Educação Ambiental

Os processos de educação ambiental são importantes na divulgação de mensagens e consciencialização das populações quer para questões relacionadas com problemas ambientais como para assuntos da biodiversidade. A necessidade de divulgar a biodiversidade de Angola e garantir a sua protecção recomenda que sejam, cada vez mais, implementados novos métodos para a partilha de informação e consciencialização.

A quantidade de publicações sobre o assunto e, principalmente, as voltadas para as crianças, são bastante escassas ou reflexo de outros contextos. Muitas vezes estas informações estão limitadas pelos livros escolares das disciplinas de ciências da natureza, estudo do meio e biologia, o que muitas vezes não supre a procura existente. Acoplado a este facto, existe também uma escassez na produção de livros infantis com base didáctica e que abordem de forma clara as principais ameaças à biodiversidade em Angola.

Educar e transmitir conhecimentos e experiências às crianças é fundamental para criar jovens e adultos com sensibilidade para diversas áreas. Os materiais de apoio à aprendizagem podem desempenhar um papel importante não só no entretenimento, mas também na instrução da crianças, e assim permitir que estas passem as informações aos seus familiares e amigos.

Deste modo, a Fundação Kissama iniciou em 2012 o projecto "Estórias para Conservar", o qual consiste na produção de uma colecção evolutiva de livros infantis com estórias sobre diferentes representantes da biodiversidade angolana. Para além desta colecção a Fundação Kissama desenvolve um conjunto de materiais de apoio à aprendizagem que incluem brochuras, pósteres, jogos educativos, folhetos, etc.

Para a Fundação Kissama os processos de educação ambiental não se encerram com a produção destes materiais e por isso desenvolve um conjunto de actividades aonde estes materiais são utilizados, nomeadamente a realização de palestras em estabelecimentos de ensino, a participação em feiras e eventos festivos alusivos à datas ambientais, entre outros.